quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Primeiros frutinhos
 

 
Enfim, saí da concha... participei da primeira exposição pública da Day Doll. Gostei demais. Há muita troca... conheci muitas pessoas e me sinto novamente em uma tribo, de crafteres (abrasileirando a palavra).
Observei a observação das pessoas. No início, não sabia nem onde soltar as mãos, aos poucos fui deixando a veia da professora que pulsa aqui dentro latejar e timidamente fui começando a contar o que eram aqueles bichos e bonecos, seus acessórios e assim foi indo...
A preparação para o bazar ou feirinha exigiu que eu produzisse bastante em pouco tempo... fiz em torno de 30 bonecos, bichos e anjos em uns 20 dias (só é bastante porque com as crianças esse prazo fica bem mais apertado srsrsrrs). Os Day Doll criei tudinho... ideia, molde, costura, detalhes, preço. Fiz uma toalha para minha nova mesinha de madeira rústica. Pensei nuns bolsos para segurar os bonecos. Tentei caprichar nesses detalhes. Minhas etiquetas de tecido ainda não estavam prontas. Tudo bem! Imprimi tags de papel cochê, amarrei com um lacinho, preparei sacolinhas com tags, fitinhas e carinho.
Recebi do bazar o mais importante: a presença de amigos. Isso sim não tem preço meeeeesmo. Eles chegavam no portão da escola, e eu me engasgava, feliz... foram ver de perto o que eu ando fazendo.
Nada é melhor que a presença das pessoas por quem temos carinho, e muito melhor ainda é quando elas também tem essas atitudes tão carinhosas conosco, apoiando nossas ideias, nossas etapas.
Foi muito interessante e gostosa aquela tarde chuvosa (sim! choveu bastante).
Fica um beijo e um queijo.
 
Ocorreu um erro neste gadget